Paraiso Swing Cams
Online agora
Yes_Maam MilfDanna IndianExstacy 1LadyRita LUCIANAQUEENTS EmilyGrayy ShadyDiana PurPurNya DoraSn CarlaBrowns emalane LuliCute HellenStone MargoPie HelenRouse
Ver todos os modelos
Swinging
8 de mai de 2024


Histórias anteriores da série: Anversario de 2018 de casamento

A data seis de setembro é uma data especial para o casal Ana e Paulo, aniversário de casamento. Por mais de trinta anos o casal vem comemorando esta data com uma festa privê onde são convidados casais amigos. Em 2020 havia casais especiais. Clarisse (38 anos) e Gustavo (28 anos) de Fortaleza, Mercia (48 anos) e Antônio (50 anos) de Recife, que conhecemos em baladas no decorrer do ano antes de setembro. Bem antes da data começamos a planejar a nossa festa, reservamos um espaço num motel na avenida Francisco Sá, contratamos um DJ e encomendamos comes e bebes a um buffet. Ana comprou um vestido longo, calcinha imoral e sapatos de salto. Para Antônio ela escolheu uma bermuda e uma camisa transparente numa loja chique. Quando Antônio questionou sobre a cueca ela falou não é necessário pois nem a bermuda voce vai usar. Em replica ele falou nem voce vai usar calcinha, pois se usar vai dificultar a entrada de pirolitos. Ela riu e disse voce tem razão vamos pedir a todas as esposas que não as usem. Antes da data Ana conversou longamente com Clarisse e Mércia, acertando os detalhes. E Ficou acertado que o casal Mércia e Antônio se hospedaria em nossa casa e chegaria em Fortaleza três dias antes da festa. As boas intenções eram que a festa se iniciaria na data de chegada do casal. Ana acertou com Clarisse e Gustavo que no dia de chegada do casal haveria uma festa de boas-vindas na nossa casa. Moramos numa boa casa na cidade de Euzébio e há um espaço especialmente idealizado para brincadeiras de casais, onde a privacidade é completa. Ana preparou as bebidas e os petiscos, ficando a responsabilidade das carnes com Paulo. O casal chegou ao meio-dia e Paulo foi seu motorista, mas antes recebeu o pagamento de um beijo ardente da Mércia. Almoçamos e dormimos a tarde toda, com Ana e Antônio na suíte do casal e Mércia e Paulo na suíte de hospede. Ana contou que Antônio a comeu de todas as maneiras, mas ela resistiu ao sexo anal, pois achou a ferramenta de Antônio grande (24 cm) e grossa (20cm) de diâmetro. Mas que depois de se acostumar adorou o vai e vem. Na suíte de hospede também houve uma batalha da mais safadas, com Paulo traçando a pepeka, da Mércia e o orifício trazeiro, realizando um 69 bem longo, Mércia pagando bloquetes maravilhosos. De fato, os casais não descansaram, mas tinham de parar, pois a 22 horas haveria a festa de boas-vindas.

Conversaram na sala de visita e colocaram seus assuntos em dias. Ana e Paulo falando que estiveram viajando a Bahia, onde encontraram o casal Jorgina e Mario, e passaram uma semana com muito sexo e divertimento, tendo passado dois dias na praia de Massarandupió com o casal. Mércia e Antônio contaram que receberam o casal Corina e Cortez do Rio de Janeiro, tendo sido a melhor semana de sexo. Mas que esperava esta festa ser algo maravilhoso, pois sabiam como o casal Ana e Paulo sabia tratar as visitas, haja visto o que tinha acontecido na tarde. Antônio elogiou a performasse de Ana na cama, que causou um pouco de ciúme em Mércia. Mas Mércia falou que Paulo deixava qualquer homem de quarenta no chinelo, pois ela tinha gozado como nunca na vida. Ana e Paulo elogiaram o casal Mércia e Antônio, devido a performasse sexual dos dois, bem com a plástica do casal. A conversa girou sobre vários assuntos, os casais degustando os petiscos e solvendo os bebes e bebes.

Lá pelas nove e meia chegaram o casal Clarisse e Gustavo que foram apresentados a Mércia e Antônio como os parceiros da festa, mas que hoje era só boas-vindas e não deveriam abusar da hospitalidade. Antônio comentando como não posso abusar da Clarisse com toda está plástica e sei que Mércia está com a pepeka molhada só pensando na ferramenta do Gustavo. Ana e Paulo falaram, estamos aqui para nos divertirmos e não para desejos específicos nos instrumentos sexuais dos casais, se é assim, não podemos desfrutar de todos os amigos nesta sala e o objetivo tanto hoje, como daqui a dois dias, não será o que pretendemos. Todos riram e falaram, mis hoje é hoje e daqui a dois dias já com certeza teremos o melhor sexo de todos. Paulo convidou a todos a se dirigirem para o cafofo do amor, lugar especialmente construído para as festas privadas do casal.

Ao entrarem no referido cafofo, os casais visitantes ficaram abismado com o luxo do ambiente, com uma cama dupla king size, almofadas espalhadas pelo ambiente, era de fato uma suíte de motel esplendida. Cada casal oficial dirigiu para a cama onde as meninas se sentaram recebendo beijos quentes dos meninos ao passo que lhe tiravam as roupas. Não demorou as meninas estavam só de calcinha pagando bloquetes nos seus maridos. Ana reclamou que nunca havia presenteado o casal Clarisse e Gustavo e estava na hora do Gustavo experimentar a sua boca no seu instrumento de 18 cm. Mércia reclamou que já tinha gozado no pau de Paulo, 15 cm, agora ia fazer seu marido gozar no seu rabo, mas depois seria a vez de presentear o casal Clarisse e Gustavo. Claro que só restou a Clarisse o Paulo, mas ela não perdeu pois Paulo foi o melhor comedor experiente e carinhoso que ela já teve. Depois de alguns reversarmentos, onde ninguém era de ninguém, todas sendo comidas por todos, tanto na frente como nos orifícios trazeiros, resolveu-se que as meninas deviam ser preenchidas com DP. Primeiro foi a vez de Ana, com Gustavo e Antônio, depois a Mércia com Paulo e Gustavo e por último Clarisse com Paulo e Antônio. Todas estas brincadeiras levaram mais de cinco horas. Estando todos cansados, resolveram que era hora de dormir, mas com era tarde Ana e Paulo convidaram Clarisse e Gustavo Para dormirem e tomar café todos juntos. Como sempre sugeriu que Antônio dormisse com Clarisse, Ana com Gustavo e Mércia com ele. Houve acordo e cada par trocado foi para as respectivas suítes. Onde é claro, que houve muito sexo nas suítes. Esta festa de aniversario está saindo melhor do que planejado.

Na manhã seguinte por volta das 10 horas estavam todos reunidos na mesa da cozinha, cada sorriso mais lindo do que o outro, e voltaram a formar os pares originais. Depois de um café bem reforçado preparado pelas meninas, o casal Clarisse e Gustava ss despediram, ficando o casal convidado de Recife e Ana e Paulo. Ana sugeriu que fosse a praia, Bech park, que foi aceito. Foram os casais para tomar um pouco de sol para queimar um pouco a pele, demonstrando um relacionamento saudável de casais amigos. Almoçaram num restaurante perto da casa do casal Ana e Paulo e voltaram para residência de partida. Novamente Ana e Antônio foram para suíte do casal e Paulo e Mércia para suíte de hospede. Ana começou com um bloquete em Paulo, seguido de penetrações na frente e atrás. Paulo iniciou chupando a pepeka de Mércia, seguido de bloquete, mas desta vez Mércia só aceitou penetração na pepeka.

Na noite nada de mais aconteceu, só conversas sobre parceiros e como era gostoso festa de casais. Cada casal expressou suas expectativas na festa do dia seguinte. Ana disse que adoraria fica a noite todo tratando com carinho do pau de Antônio, mas este gostaria de dividir o tempo entre Ana e Clarisse. Por sua vez Paulo falou que queria dar muito amor a Clarisse e Mércia bem como também apreciar as cutucadas de Antônio e Gustavo na Ana. Muitos papos e muitas besteiras faladas, foram dormir com os pares trocados. Novamente muitos bloquetes, chupadas nas pepekas, sexo vaginal, oral e anal. Na manhã seguinte as meninas estava com as vaginas e cu ardendo e vermelhos. Mas uma vez o café reforçado preparado pelas meninas.

Durante o dia as meninas foram ao salão de beleza arrumar os cabelos, tomar um banho de lua, e depilar as pepekas. As 21 horas todos elegantes, elas sem calcinha, cheirosos se dirigiram ao motel. Lá já encontraram o casal amigo Clarisse e Gustavo. Se cumprimentaram e começaram a conversar. Em torno de trinta minutos resolveram ir para a sauna, despiram-se, entrando na sauna. Mas Ana foi confirmar a hora da chega do DJ. Tiveram algumas trocas no calor da sauna, sendo que Antônio foi o mais solicitado pelas meninas. Cerca de uma hora chega o DJ, os casais tomaram um banho relaxante e foram para sala de dança. Claro estavam todos nus. Houve troca de pares, Antônio dançando co Ana, Gustavo com Mércia e Paulo com Clarisse. Depois de várias cutucadas por parte dos meninos, houve troca de parceiros, ficando Antônio com Clarisse, Ana com Gustavo e Antônio com Mércia. Novas cutucadas, mas desta vez houve penetrações, com variais gozadas das meninas. Nova troca na configuração inicial, com penetrações na frente e atras. Em agradecimento ao prazer as meninas pagaram bloquetes nos meninos até eles gozarem nas suas bocas. Era hora de um intervalo para descanso e colocarem o papo em dia, mas logo seria hora das DP. Cada marido penetrava na vagina, enquanto os homens participantes penetravam o trazeiro da menina até gozarem. A ação levou muito tempo, e quando perceberam já eram oito horas do dia seguinte de deixar o motel saciados e jurando que devia haver uma nova oportunidade.

Na parte da tarde o casal Mércia e Antônio voltaram a Recife com belas recordações, principalmente no sexo anal.

[email protected]

Nova história da série: Anversario de 2018 de casamento

Tags: publico, casal


Comentar