Escrito por Anônimo

Swinging
30 de mar de 2019


Estamos no swing a mais de dez anos, no inicio somente não fazíamos troca, brincávamos de tudo, pegadas, beijos, chupadas só a penetração que não nos permitíamos, isso por que ainda não tínhamos a plena certeza.

Em um dado momento partimos para a troca, foi em uma casa de swing.

Chegando a casa de swing, pedidos umas bebidas, rodamos as salas e num entra e sai danado, joguei ela em uma mesa e comecei com uns amassos, chupando os peitinhos e o povo foi se achegando e achegando, der repente tinha vários casais ao nosso lado.

Ela mais esperta que eu, já foi logo chupando um pau enquanto com as pernas para o alto levava rola. Saltei de lado e dei bandeira verde ao amigo que não se fez de rogado, começou com um longo beijo na boca dela (que beija bem para caralho), logo pegou a ppkinha dela e sugava como louco, levando ela as nuvens (gemendo como uma puta) e fazendo um alvoroço na casa de swing.

Enquanto isso peguei a mulher do cara, uma baixinha deliciosa, dei alguns beijos, chupei seus peitinhos, chupei sua bucetinha (que era pequenina mesmo), deixei ela em ponto de bala, coloquei ela sobre e mesa e tomele rola. Meu deus que puta, gemia gritava pulava, a disputa era grande e o povo olhando... batendo punheta mexendo na buceta e assim vai...

Olho ao lado e a minha gata estava chupando o amigo com a bunda para cima (e olha que ela tem uma senhora bunda), der repente outro cara mais do que rápido colocou uma camisinha e socou a vara, que cena deliciosa, nossa primeira troca e ela já dando para dois, ou melhor chupando um e tomando rola de outro. O “espertão” já logo gozou e saiu de cena...

Como isso por causa do geme geme, dos urros e da gozada do “amigo”, eu e minha amiguinha terminamos, gozei feito louco...

Ficamos ao lado vendo minha gata e o amigo (marido da gata terminar), agarradinhos como namoradinhos, somente nos acariciando e nos beijando, pois estávamos exaustos. Conversa vai conversa vem, cola uma cara vendo a performance do casal... O cara solta logo uma, nossa esta gata que esta metendo é uma delicia, comi ela de pé que rabo que ela tem, gozei rapidinho, que buceta apertada...Olhei para a amiga e disse, essa que voce meteu e minha mulher...rsrsrsr

Ele elogiou ficamos conversando, e o marido agora comendo ela de 4, não gozava, devia ter tomado algo, por que duvido alguém que coma ela de 4 e não goze rápido, fui la conferir, pois ele iria assar a bucetinha dela. Ele me falou que já tinha gozado duas vezes e estava gozando a terceira (sem tirar de dentro), ela deveria estar na quarta ou quinta gozada...

Todos refeitos e limpos (pelo menos por fora), por que minha gata carregava porra na bucetinha aos montes, fomos tomar umas, conversar um pouco e fomos para uma festa particular que contaremos depois...

Esta foi nossa primeira troca, de muitas...

Agora adoro ver ela ao lado dando para outro e fazendo o cara ficar doido.

Logo mais mandaremos outros contos (verídicos).

Beijus a todos...


Comentários