Paraiso Swing Cams
Online agora
Fancy_Indian Lucia_brown KiraPopsss KristyAdams KarlaGtGngBng SofaRose ShadyDiana NathalyDaniels smileCRYSTAL CharolaisBracho Julia_Meziati Kate_Show Amanda__grey LucianaSommers danafoxk1
Ver todos os modelos
Fato
2 de abr de 2024


Iniciei minha jornada como comedor há aproximadamente 8 anos. Minha primeira experiência foi com a esposa de um amigo após um churrasco. Ele era adepto ao cuckold e me ofereceu sua esposa e eu como um bom safado que sou aproveitei muito. Mas essa não é a história que quero contar, mas sim os prazeres que esse fetiche me traz.

Ser um comedor vai além de ser um metedor desenfreado, pois para chegar a tocar a esposa de alguém com o consentimento do marido, precisa conquistar o casal.

A sensação de conquistar ambos, desbloquear os desejos deles e liga-los a mim é uma sensação indescritível.

A maioria dos casais tem certo receio sobre o comedor, se ele é bonito, limpo, cheiroso. Se não é um bandido querendo roubar ou sequestrar. Por este motivo o prazer aumenta, pois existe um jogo de sedução e confiança que precisa ser jogado antes de chegar a fase do sexo.

Quando esta fase é superada vem a hora do encontro, onde sempre dá aquele frio na barriga, vem aquele pensamento se o casal vai gostar do presencial e se vai rolar aquela química.

Estar cheiroso, depilado e com ar de leveza faz parte do ritual do encontro. Precisa estar com a mente boa e focar em dar prazer ao casal tendo prazer também. Sempre respeitando os limites de todos.

Quando inicia o sexo, as sensações são extremas, pois você começa a tocar uma mulher que não é sua, mas que estará incumbido de despertar os desejos mais profundos dela e fazer coisas que muitas vezes nem mesmo o marido dela faz.

O fato do marido estar presente, vendo sua linda esposa, a mãe dos seus filhos , entregue, sugando o cacete de outro homem, gemendo quando está sendo sugada ou quando está toda arreganhada com outro homem entrando nela, torna a coisa mágica.

Quando vem o gozo e na maioria das vezes na boca daquela esposa que acabou de se entregar à você, ele se multiplica em mil vezes mais e não dá vontade de parar.

Após todas aquelas sensações, você sabe que vai se despedir com o maior do respeito, que não vai chamar o casal, que muitas das vezes não vai ve-los novamente. Porém estará satisfeito por ter feito mais um casal feliz, um casal que confiou em você para satisfazer seus desejos.

Ser comedor é um desejo, um fetiche, um estilo de vida. Mas não basta ser comedor, tem que ser homem, tem ser seguro, tem que ter sua segurança física e emocional resguardadas, bem como, as do casal.

Espero ter exposto minhas sensações e explicado um pouco sobre o que é ser um comedor.

E já sabem, amo o que faço, se um dia se sentirem a vontade podem me chamar que será um prazer conhecê-los.

Bjs aos casais!


Comentários